terça-feira, 4 de julho de 2017

Uber começa a operar nesta quarta na segunda maior cidade de MS

Na Capital, o serviço começou a funcionar no dia 22 de setembro de 2016 e gerou uma série de questionamentos.


O serviço de caronas pagas funciona a partir de um aplicativo de celular (Foto: Divulgação)

A Uber – serviço de caronas pagas – começa a operar a partir das 14h desta quarta-feira (4), em Dourados, segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul – distante 233 quilômetros de Campo Grande.
Na Capital, o serviço começou a funcionar no dia 22 de setembro de 2016 e gerou uma série de questionamentos. Taxistas reagiram e, depois de audiências públicas, acirramento de ânimos, a Prefeitura decidiu regulamentar a atividade do aplicativo.
Os motoristas parceiros da Uber prestam o serviço de transporte individual privado de passageiros, respaldados na Constituição Federal e em lei federal (Política Nacional de Mobilidade Urbana - PNMU Lei Federal 12.587/2012).
A empresa já se antecipa, “por diversas vezes, os tribunais brasileiros afastaram e consideraram inconstitucionais as tentativas municipais de proibição da Uber, confirmando a legalidade das atividades da empresa e dos motoristas parceiros e garantindo o direito de escolha da população”, disse a Uber em nota.
Ainda de acordo com a empresa, “é um novo modelo, que cria um novo mercado - o CADE publicou estudo confirmando que mais pessoas deixam seus carros em casa para utilizar este serviço. A Secretaria de Acompanhamento Econômico do Ministério da Fazenda aponta que a inovação que a tecnologia trouxe neste segmento acabou aumentando este mercado, atingindo exatamente os consumidores que não utilizavam este serviço, mas agora podem beneficiar-se de seu uso”.
A Uber Technologies Inc. foi fundada oficialmente em junho de 2010, na cidade de São Francisco, e hoje está em mais de 480 cidades em mais de 70 países. A Uber expandiu rapidamente a sua presença pelo mundo, com o objetivo de revolucionar o modo de se movimentar nas cidades. Ou seja, o crescimento deste mercado chegou a Dourados e a população terá mais uma opção para se movimentar pela cidade.

Postado por: Giovana M. de Araújo

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Isabela Cavalcante de Aquidauana, é eleita a Miss Mato Grosso do Sul ‘Be emotion’ 2017

A representante de Aquidauana, Isabela Cavalcante, foi eleita Miss Mato Grosso do Sul ‘Be emotion’ 2017.  Em noite de muito glamour, a cerimônia foi realizada nesta sábado (06) em Costa Rica (MS) no Espaço Conviver – Centro de Convivência do Idoso – “Nosso Sonho”.
A coroa de Miss Mato Grosso do Sul, abre portas para a disputa do Miss Brasil ‘Be emotion’ 2017.
A vencedora concorreu com outras 19 candidatas dos municípios de Amambai, Aparecida do Taboado, Campo Grande, Cassilândia, Chapadão do Sul, Corumbá, Costa Rica, Coxim, Distrito de Alto Santana (Paranaíba), Distrito de São José do Aporé (Paranaíba), Dourados, Ivinhema, Jaraguari, Nova Andradina, Paranaíba, Santa Rita do Pardo, Serviria, Terrenos e Três Lagoas.
A Miss Brasil ‘Be emotion’ 2016, Raissa Santana e a Miss Mato Grosso do Sul 2016, Yara Volpe, marcaram presença no evento.

 LEIA MAIS

https://news.google.com/news/url?sr=1&ct2=pt-BR_br%2F1_0_s_0_1_a&sa=t&usg=AFQjCNECleCJSxZip2curFG4MK8bAMtWng&cid=null&url=http%3A%2F%2Focorreionews.com.br%2Fportal%2F2017%2F05%2F07%2Fisabela-cavalcante-de-aquidauana-e-eleita-a-miss-mato-grosso-do-sul-be-emotion-2017%2F&ei=fK0PWaCVLcel3wGJ4IbgCQ&sig2=ZB_Km0Qgikyq4m4vtkeQpA&rt=SECTION&vm=STANDARD&bvm=section&did=6995899431951783753&sid=pt-BR_br%3Asfy&ssid=sfy&st=1&at=dt0&eid=%2Fm%2F027c2fs&ise=false&insrc=1

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

DOURADOS NEWS

http://www.douradosnews.com.br/



EDSON PAIM NOTICIAS

Clique :
http://edsonpaim.com.br/





SITE DA TV PORTAL DO PANTANAL, NO AR! (MEIO AMBIENTE NOTÍCIAS)

CLIQUE:

http://tvportaldopantanal.com.br/

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Zé Teixeira destaca investimentos do governo em Dourados




Democrata afirma que município nunca foi tão prestigiado pelo Estado, como ocorre na gestão de Reinaldo Azambuja

MS em Foco






O deputado estadual Zé Teixeira (DEM), primeiro-secretário da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, destacou ontem os investimentos que o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) está fazendo em Dourados, segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul, e o reconhecimento político-econômico que o município passa com a administração do prefeito Murilo Zauith. “Estou na política desde 1962 e neste período já vi Dourados quase eleger um governador, indicar o vice-governador em diversas chapas, ter vice-governadores eleitos como o Braz Melo, George Takimoto, Egon Krakhecke e Murilo Zauith, mas nunca vi nenhum governador dar tanta atenção ao município quanto o Reinaldo está dando”, ressaltou o deputado.

Zé Teixeira acompanhou Reinaldo e Murilo sábado em Dourados quando o governador cumpriu agenda de lançamento de investimentos que somam mais de R$ 21 milhões em infraestrutura, como melhoraria das vias de acesso do Núcleo Industrial, asfalto e drenagem em bairros e recapeamento das principais avenidas da cidade: Hayel Bon Faker, Marcelino Pires, Weimar Torres e Joaquim Teixeira Alves. Reinaldo ainda anunciou um plano de investimentos de R$ 110 milhões na área de saneamento básico em Dourados, para os próximos três anos.

“Acompanhei todo o processo desses investimentos em Dourados e tenho a certeza que com a melhoria de infraestrutura no núcleo industrial, mais empresas vão se instalar em Dourados. O próprio governador já adiantou que três grandes indústrias virão para a cidade nas próximas semanas e isso é muito bom para movimentar a economia da cidade e gerar mais empregos”, avalia o deputado. Atualmente o núcleo conta com 12 indústrias e juntas empregam cerca de duas mil pessoas. Zé Teixeira acredita que com os investimentos no local será possível dobrar o número de funcionários com a vinda de mais empresas.

Como empresário do setor do agronegócio, Zé Teixeira conhece bem a realidade socioeconômica do município. “Sei que Dourados ainda precisa avançar em várias áreas, mas a cidade até pouco tempo (2011) estava mergulhada em escândalo político e Murilo veio e trouxe uma realidade diferente, com gestão através da otimização de recurso e com o conhecimento técnico que ele possui conseguiu trazer investimentos em várias áreas. Veio a crise e ainda assim Murilo está sabendo administrar bem a cidade e vai deixar um legado de grandes trabalhos prestados ao município”, afirmou o deputado.

O lançamento de obras em Dourados é lembrado pelo deputado Zé Teixeira como um resgate dos antigos compromissos de campanha firmados por Reinaldo Azambuja com o município e que estão se tornando realidade. “Precisamos de pessoas que tenham visão técnica e administrativa. Murilo é assim e o governador Reinaldo também. Quem ganha é a própria população”, avalia.

Postado por: Carlos PAIM

quinta-feira, 12 de maio de 2016



Queda de 28% do preço do etanol nas usinas chega devagar aos postos

Em Dourados, tem posto que já baixou em até 20 centavos o preço do etanol, mas queda é de menos da metade da redução nas usinas

Posto na Avenida Marcelino Pires reduziu preço do etanol em 17 centavos em duas semanas (Foto: Eliel Oliveira)Como normalmente acontece nessa época do ano em função da safra de cana, o preço do etanol começou a baixar nos postos de combustíveis de Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande. Apesar de visível em boa parte dos estabelecimentos do ramo, queda ainda está longe da redução adotada nas usinas.
Segundo o Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), em abril o preço do etanol hidratado caiu 28,2% nas usinas.
Nos postos de Dourados, no entanto, essa queda não chega a 10%, conforme levantamento feito hoje (12) pelo Campo Grande News em dez estabelecimentos das avenidas Marcelino Pires e Hayel Bon Faker.
Em um estabelecimento localizado no cruzamento da Marcelino com a Rua dos Missionários, no Centro, o preço do etanol, que era de R$ 3,149 no dia 26 de abril, segundo apontou pesquisa feita pelo Procon, foi reduzido para R$ 2,979.
“O preço estava em R$ 3,20, R$ 3,30 e hoje já tem estabelecimento vendendo abaixo de 3 reais”, afirmou o diretor do Simpetro/MS (Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis, Lubrificantes e Lojas de Conveniência de Mato Grosso do Sul), José Tarso Moro da Rosa.
“A redução gira em torno de 10 a 20 centavos, variando de posto para posto. Algumas distribuidoras já pagaram preço menor e estão repassando aos postos, mas outras ainda trabalham com o estoque anterior”, afirmou o empresário.
Nesse posto, etanol está 2 centavos mais barato em relação a abril (Foto: Eliel Oliveira)Preços iguais – Nos postos, é possível perceber que a redução ocorre principalmente onde o etanol estava mais caro. Em dois estabelecimentos localizados no Jardim Água Boa os preços continuam os mesmos apontados na pesquisa do Procon feita em abril.
O posto que, segundo o Procon, vende o etanol mais barato de Dourados, localizado na Rua Bela Vista, na região sul da cidade, mantém o preço de R$ 2,69, o mesmo praticado no mês passado.
Tarso Moro da Rosa lembrou que essa redução é sazonal, impulsionada pela injeção de mais etanol no mercado por causa da safra de cana. Ele disse que em Dourados, mesmo com a queda, não compensa abastecer com etanol. “As pesquisas apontam que só é vantajoso se a diferença em relação ao preço da gasolina for de pelo menos 30%, o que não acontece em Dourados”.
A pesquisa do Procon feita no dia 26 passado mostrou que na segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul o preço médio da gasolina comum é de R$ 3,81. Já o preço médio do etanol é de R$ 2,99.
CampoGrandeNews
Postado por: Ygor I. Mendes

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Com 17 Casos de gripe, Cidade Aguarda 28 doses mil Paragrafo retomar Vacina

Núcleo de Vigilância Epidemiológica informou Hoje que nove Casos de gripe Já foram confirmados neste ano em Dourados

Vacinação contra gripe começou no dia 30 de abril, mas ESTÁ suspensa POR falta de doses (Foto: A. Frota / Divulgação)Vacinação contra gripe começou no dia 30 de abril, mas ESTÁ suspensa POR falta de doses (Foto: A. Frota / Divulgação)
O município de Dourados, a 233 km de Campo Grande, JA notificou 17 Casos suspeitos de gripe transmitida Cabelo vírus H1N1. De acordo com o Núcleo de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de  Saúde , nove Casos foram confirmados Até Ontem (10). Os demais AINDA aguardam resultado de Exame.
Até ágora NÃO houve morte em decorrência da influenza na Segunda Maior Cidade de Mato Grosso do Sul. Dez PESSOAS Já morreram neste ano no Estado. Ósmio Casos Maïs Recentes eram de Duas Mulheres, Mortas em Naviraí, no cone sul.
No HU (Hospital Universitário) da UFGD ( Universidade Federal  da Grande Dourados), os pacientes do cinco estao internados recebendo Tratamento Paragrafo influenza.
"Três Deles estao com o Quadro Confirmado (Dois Adultos e Uma Criança) e Dois Adultos estao com Suspeita da Doença, Aguardando Resultados de Exames. Dos pacientes cinco, internados Três estao em UTIs e Dois em enfermarias", informou hum hospitalar assessoria doo.
Vacinação suspensa  - Apesar do aumento de dos Casos da Doença em Todo o país, a Campanha de Vacinação ESTÁ suspensa desde a semana Passada em Dourados POR falta de doses da Vacina.
OS Primeiros Lotes logotipo acabaram Apos Uma abertura da Campanha, Nenhum dia 30 de abril. Uma Pequena Quantidade Chegou na Passada semana, mas Insuficiente Para Uma continuidade da Imunização em Todas Como unidades de Saúde do Município.  
A coordenadora de Imunização da Secretaria de Saúde , Carla Cristina Ribeiro, informou Ao Campo Grande News que das 66 mil doses Necessárias do Pará vacinar hum População Considerada de alto Risco, 38 mil Já foram encaminhadas e utilizadas e 28 mil deveriam Chegar Ontem a Cidade, mas Até hum Manhã de Hoje NÃO tinham SIDO encaminhadas PARA O orgão municipal.  
Campo Grande News
Postado por: ygor I. Mendes

quinta-feira, 5 de maio de 2016

MS tem 171 casos do vírus da zika confirmados e 126 em grávidas

Segundo boletim epidemiológico, foram notificados 1.899 suspeitos.
Secretaria do Estado de Saúde também monitora 312 gestantes.


Casos do vírus da zika está crescendo em Mato Grosso do Sul. Nos quatro primeiros meses de 2016, foram confirmados 171 casos em 11 municípios. Além disso, 126 gestantes tiveram resposta positiva para a doença, segundo o boletim epidemiológico da Secretaria do Estado de Saúde, divulgado nesta quarta-feira (4).
Conforme o levantamento, o estado ainda monitora 312 mulheres grávidas, tiveram algum sintoma ou estão aguardando o resultado do exame. Neste ano já foram notificados 1.899 casos suspeitos e 344 descartados.
Campo Grande é o município que concentra a maioria dos casos. Ao todo são 134. Em seguida aparece Paranaíba com 10 pessoas com a doença. Também estão na lista Anastácio (4), Aquidauana (5), Caarapó (1), Corumbá (1),Dourados (3), Maracaju (1), Rio Verde de Mato Grosso (2), São Gabriel do Oeste (5) e Três Lagoas (5).
G1.MS
Postado por: Ygor Mendes I.